Serviço de controle de pragas da Saev Ambiental atende cerca de 1,5 mil PVs em menos de 15 dias

Publicado:há 18 dias2021-09-10 12:03:00

Serviço de controle de pragas da Saev Ambiental atende cerca de 1,5 mil PVs em menos de 15 dias

A Saev Ambiental segue cumprindo o cronograma de dedetização dos pontos de visitas (PV) para o controle de pragas em toda a rede coletora de esgotos de Votuporanga. O serviço é realizado por equipes operacionais da Autarquia desde o final de agosto, e até o momento já aplicou os inseticidas em aproximadamente 1,5 mil PVs. 


Foram atendidos até agora mais de 40 bairros, como por exemplo, o Jardim Roma e Pozzobon, na zona Norte; na Oeste, Jardim das Carobeiras e o Anna Munhoz Alvares; e na região Central, o Patrimônio Velho e o Recanto dos Esportes, dentre muitos outros. 


O cronograma prevê o atendimento total de 5,4 mil pontos de visitas (PV) e a expectativa é de que a intervenção seja realizada em todo o município, incluindo o distrito de Simonsen, em um prazo de 60 a 90 dias. 


Ricardo Savoine, responsável pelo Setor de Operação de Esgotos da Autarquia explica que o trabalho tem sido realizado de modo que os bairros centrais sejam atendidos aos finais de semana. “Os PVs localizados nos bairros passarão pela dedetização no decorrer da semana, em contrapartida, a aplicação dos PVs nas áreas mais centralizadas ocorrerão aos finais de semana. O cronograma foi traçado obedecendo ao fluxo de veículos e pedestres nestes locais”. 


Savoine conta ainda que a previsão é de que sejam utilizados mais de 150 kg de raticidas, e 300 kg de glucose que serão misturados ao veneno para o controle das baratas. 


A intervenção é feita anualmente com o objetivo de controlar com eficácia a infestação de pragas e insetos, como baratas, escorpiões e ratos. 



Procedimento

A dedetização é feita por meio da aplicação dos produtos diretamente nos PVs, localizados nos cruzamentos das vias, principalmente nas esquinas, e podem ser identificados pela tampa circular de ferro com a logomarca da Saev Ambiental. 


“Nós abrimos os PVs, e no fundo de cada um deles, adicionamos normalmente dois blocos de raticidas parafinados. Já a mistura feita entre a glucose e o veneno à base de fipronil para o controle das baratas, aplicamos junto ao aro, na borda interna da tampa”, detalha Savoine.  


Para o superintendente da Saev Ambiental, Antônio Alberto Casali este procedimento é necessário para garantir o bem estar da população. “A dedetização da rede coletora de esgotos é uma ação em prol da saúde pública. A nossa equipe operacional entende que é fundamental eliminar ratos, baratas e demais pragas urbanas, controlando a proliferação e o avanço até as residências. Esta operação diminui os riscos de transmissão de zoonoses, reduzindo até mesmo as chances dos acidentes com picadas de animais peçonhentos”. 


Atendimento 24h

0800-7701950 Enviar uma mensagem

Atendimento Comercial

Rua Pernambuco, 4313 - Centro
Votuporanga/SP

17 3405-9195

atendimento@saev.com.br

Copyright © 2021/2021
Todos os direitos reservados.

Feito com ♥ por Uparte Comunicação